TORITOS DE PUCARA

Boa tarde amigos da TRILOGIA INCA, vamos hoje conhecer mais um pouco da tradição e folclore religioso desta terra emblemática chamada PERU: EL TORITOS DE PUCARÁ.

alto21alto2

TORITOS DE PUCARA

Os TORITOS DE PUCARA são conhecidos em muitas partes do mundo, mas esta tradição começou em um “pueblo” chamado Pucara, a 10 Km de Puno, onde pequenos tourinhos eram colocados nos telhados das casas como elemento de proteção e energia para as famílias que nelas moram.

alto4alto5

HISTÓRIA = tudo começou quando os Espanhóis chegaram ao povoado de Pucara, com seus novos animais, em especial os famosos Touros, que foram colocados em festas especialmente para  “el paga a la tierra” onde adornava, pintavam e encilhavam o touro, colocando em seu nariz pimenta para deixá-lo enfurecido  com a irritação.

alto6alto13

Essas cenas ficaram gravadas nas pessoas da localidade: um touro enraivecido, tentando desesperadamente lamber a pimenta de seu nariz, com os olhos esbugalhados e a cauda enroscada, característica dos animais bravos, dessa espécie espanhola.

alto17alto1

Naquele tempo muitas comunidades eram encarregadas de fazer utensílios de cerâmica para os espanhóis conquistadores. Um desses povoados se destacou por seu cuidado nos trabalhos, os Chepa Pupuja, que ainda hoje seguem fazendo cerâmica para muitos vilarejos ou cidades. Eles começara a fazer as imagens dos TORITOS em cerâmica desde a época colonial, para manter uma cultura mágico-religiosa entre os campesinos, que imediatamente adaptaram este Símbolo como Proteção, Felicidade e Fertilidade.

alto20alto23

Os Chepa Pupuya vivem até hoje na comunidade de Checa, e tinham de levar naquela época os trabalhos até a comunidade de Pucara, onde existia uma grande quantidade de pessoas para comprar seus produtos, em especial estes   TORITOS, que tornaram seus trabalhos reconhecidos e famosos, sendo denominados TORITOS DE PUCARA.  

alto22alto16

Os TORITOS trazem Felicidade, Proteção Fertilidade a todos os que habitam  as casas que os colocam em seus telhados, sendo por isso que é possível vê-los em uma grande maioria das casas do PERU.

alto9alto28

SÍMBOLO = tendo uma origem pré-colombiana, estes ceramistas antigos, que com a ocupação espanhola passaram a fabricar cerâmica utilitária para os conquistadores assentados ao sul do PERÚ Colonial, criaram também a imagem do TORITO, nas localidades de Puno, Cusco, Apurinas, Ayacucho, Apurimac,  onde se tornaram conhecidos.

alto10alto18

Sua função é a de proteção à família, procriação dos rebanhos e felicidade dos lares e casas. São colocados nos telhados, normalmente, podendo ser um par de machos, um casal ou apenas um touro em separado.

alto11alto15

 Toda essa apologia ao TORITO DE PUCARA, tem seu embasamento na reverência que o Andino faz à Mãe-Terra, pois para o INCA, o homem não só vive na PACHAMAMA, como também faz parte dela. Ela representa a vida, pois é provedora do alimento e do abrigo, sempre auxiliada pelo SOL e pela LUA. Desta forma o ciclo da vida se renova com as estações do ano: a fertilidade, a vida, a morte e o renascimento!

alto25alto30

Bem amigos da TRILOGIA INCA, como de costume eu imprimo minha experiência no final de cada publicação. Com relação aos TORITOS DE PUCARA, eu também me surpreendi com a quantidade de telhados que possuem esses lindos animais esculpidos em cerâmica, de diversos tamanhos. Eu comprei uma imagem para mim, pequenina, e a coloquei em cima de uma grande adega colonial, com portas de ferro, cuja fachada lembra a cumeeira de uma casa. Estão na minha sala, para proteção e felicidade!

alto29alto19alto8alto7

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s