INCENSO -LIBERAÇÃO ENERGÉTICA

Boa tarde amigos da TRILOGIA INCA, hoje vamos falar sobre um elemento indispensável em todos os rituais religiosos, o INCENSO, que através dos tempos e das diversas formas de cultura, foi utilizado para veicular uma LIBERAÇÃO ENERGÉTICA, que permite o entrosamento pleno do corpo e do espírito.

a-incenso18

INCENSO – vem do latim incendere = queimar: é composto de materiais aromáticos como plantas e libera fumaça quando queimado.

INCENSO é usado em cerimônias religiosas, em rituais de purificação e teve sua origem no Antigo Egito, que importava da Costa da Arábia e Somália, goma e resinas oleosas de árvores aromáticas.

a-incenso12

Existem dois tipos básicos de INCENSOS: Queima Indireta Queima Direta.

INCENSO DE QUEIMA INDIRETA = requer uma chama que vai incendear e formar a brasa, liberando a fragrância.

INCENSO DE QUEIMA DIRETA = são os incensos conhecidos como varas, cones ou pirâmides.

a-incenso3a-incenso1

O uso do INCENSO foi muito difundido em todas as grandes culturas milenares, e poderemos ressaltar algumas que mantém essa prática até os dias de hoje, como elemento de LIBERAÇÃO ENERGÉTICA.

CHINA

a-incenso14

A utiliazação do INCENSO nos Templos Budistas, pelos religiosos foi sempre  uma forma de elevação mental e LIBERAÇÃO ENERGÉTICA, durante os rituais.

Desde os primórdios, os chineses tem utilizado o INCENSO não só para cerimônias religiosas, mas também como forma de aromaterapia individual e ambiental, sendo uma arte cultivada através dos tempos, como o ritual do chá, arranjos de flores, etc.

INDIA

a-incenso19

Os INCENSOS indianos são basicamente divididos em dois tipos: masala carvão.

INCENSO MASALA é resultado da mistura de vários elementos sólidos perfumados e moldados em uma pasta, colados em uma vara de bambú. Contém pouco perfume.

INCENSO CARVÃO é feito através de imersão em uma mistura de de perfumes e óleos essenciais que contém uma resina de aderência para manter colados os ingredientes às varas. Geralmente possuem a cor preta.

TIBETE

a-incenso21

INCENSO TIBETANO tem uma característica de perfume terreno, e eles são encontrados no Tibete, Nepal e Butão. Os ingredientes usados nestes INCENSOS são variantes da canela, cravo e zimbro. Também usam a flor Kusum, ashvagandha, ou jeera Sahi.

Os INCENSOS TIBETANOS são conhecidos por terem propriedades medicinais e suas receitas são originárias de antigos Textos Védicos que provém de antiquíssimos textos de medicina. É importante salientar que essas receitas são mantidas inalteradas através dos tempos.

JAPÃO

a-incenso8

Para os japoneses a cultura do INCENSO é sinônimo de arte, história e cerimônia, equiparando-se às qualidades da arte, música ou literatura.

INCENSO pode ser utilizado durante uma cerimônia de chá, ou caligrafia, bem como nos arranjos de ikebana e Scroll. O INCENSO é chamado de KOH-DO, e também pode ser praticado separadamente das outras cerimônias.

Os dois ingredientes mais importantes do INCENSO JAPONÊS – KOH-DO, são Agarwood (Jinko) Sândalo (Byakudan). Outro ingrediente muito importante e muito caro é  Kyara, que é um tipo de Deagarwood.

INCENSO mais utilizado pelos japoneses é o Sândalo, eis que sua LIBERAÇÃO ENERGÉTICA é perfeita para a meditação, sendo muito difundido na cerimonia de Chá Japonesa.

a-incenso5

A PRÁTICA DO INCENSO

As várias gamas de fragrâncias de INCENSO liberam força e energia, e são de grande utilidade em vários tipos de rituais e situações.

Por ser muito forte o aroma do INCENSO dilui odores indesejávés, como por exemplo os das cerimônias funerárias, onde o incenso serve para dissolver e até mesmo abafar o cheiro da decomposição.

Outro exemplo é o Turíbulo Botafumeiro que possui um tamanho gigantesco e balança na Catedral de Santiago de  Compostela, sendo utilizado para mascarar o cheiro de cançaço e suor dos Peregrinos que ali acorrem como o ponto final de sua jornada.

a-incenso13a-incenso9

INCENSO era também usado na Inglaterra, no movimento Pós-Reforma. Era levado ao altar por um membro da Sacristia. O mesmo ocorre na Igreja Católica, onde algumas Missas que mantém o Ritual Antigo, utilizam o Turíbulo para INCENSAR.

a-incenso7a-incenso2

INCENSO como forma de LIBERAÇÃO ENERGÉTICA tem sido utilizado regularmente para a meditação, para trabalhos energéticos, para auxiliar nas Terapias Olísticas, pois permite uma imantação ambiental que afugenta e dilui miasmas, Formas Pensamento distorcidas e ameniza o ambiente onde se realizam tais práticas.

a-incenso

Nos Terreiros de Umbanda e Candomblé, bem como nos Trabalhos Espirituais o INCENSO é largamente utilizado pelos Médiuns que limpam e preparam o espaço onde são realizados os trabalhos.

a-incenso17a-incenso4

Bem amigos da TRILOGIA INCA, como sempre eu dou meu testemunho nos assuntos que são postados aqui. Eu sou usuária do INCENSO, como forma de LIBERAÇÃO ENERGÉTICA e também para imantação do meu espaço de trabalho, ou de minha residência. Todos os dias eu utilizo o INCENSO, de todos os tipos, como dos Arcanjos, Sândalo, Sal Grosso, etc., e aos domingos eu defumo minha casa com o Ananda, liberando assim todos as energias distorcidas que porventura possam ter invadido meu lar.

Aguardo vocês no melhor local para dispersar as energias distoantes: MACHU PICCHU!

a-incenso201aa30

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s